Connect with us

Brasil

Prorrogação do Auxílio Emergencial: Governo estuda extensão apenas para o Bolsa Família

Publicado

on

Como já veiculado aqui no Brasil 123, a Caixa Econômica Federal segue com o calendário de pagamentos do auxílio emergencial 2021, que está próximo do encerramento, sendo a última parcela paga neste mês.

No entanto, como ainda não estão aprovadas as propostas que viabilizam o Auxílio Brasil, programa que vai substituir o Bolsa Família, integrantes do governo buscam uma saída para turbinar os pagamentos aos beneficiários de programas sociais do governo até o fim de 2022.

Nesse contexto, uma prorrogação do auxílio emergencial vem sendo estudada pela equipe do governo, dando continuidade ao benefício até janeiro de 2023.

Prorrogação do auxílio emergencial

Vale ressaltar que se a medida for adiante, apenas os beneficiários do Bolsa Família, que representam 14,6 milhões de famílias brasileiras, serão contemplados.

Assim, a ideia é estipular o pagamento de cerca de R$ 250 mensais de forma cumulativa aos valores que essas pessoas já recebem pelo programa social.

Essa questão tem sido debatida nas últimas semanas e estima-se que até a próxima semana o presidente Jair Bolsonaro tome uma decisão, uma vez que estamos muito próximos da conclusão do calendário do auxílio emergencial 2021.

Destaca-se que se a medida for colocada em prática, o benefício emergencial deixará de contemplar cerca de 25 milhões de trabalhadores informais, o que não é bem visto por setores do Governo Federal.

Benefício transitório

O Brasil 123 já tinha adiantado a questão da análise do governo para o pagamento de uma espécie de benefício transitório.

Diante dos impasses que o governo federal enfrenta para conseguir viabilizar o Auxílio Brasil, assessores do governo sugerem um auxílio transitório para as famílias que não serão enquadradas no novo benefício social.

Sendo assim, para evitar que o benefício seja interrompido em um momento em que os impactos da pandemia ainda são enormes, assessores do governo defendem a criação de um auxílio transitório por meio da abertura de crédito extraordinário.

De acordo com as especulações, os valores poderiam ser pagos nos meses de novembro e dezembro, ficando entre R$ 150 e R$ 250.

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WPP-1024x338.jpg

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade