Connect with us

destaque

Ministério explica por que algumas pessoas não conseguiram receber Auxílio

Publicado

on

O Ministério da Cidadania falou sobre as pessoas que tentaram mas não conseguiram receber o Auxílio Emergencial. De acordo com a pasta, que é responsável pelo programa, isso aconteceu por causa das análises dos “dados mais recentes” do cidadão.

“O Ministério trabalha no processamento de cadastros a partir das informações mais recentes disponíveis nas bases de dados governamentais”, diz a nota. De acordo com a pasta, são esses materiais mais recentes que estariam impedindo que mais pessoas entrassem no programa.

Espaço para isso, tem. De acordo com dados do Ministério da Cidadania, vai sobrar dinheiro dos pagamentos do projeto este ano. A expectativa do Palácio do Planalto era fazer repasses para cerca de 45 milhões de brasileiros. No entanto, apenas 39 milhões estão recebendo de fato.

Isso quer dizer portanto que o Governo tem espaço no orçamento para colocar mais gente nesta conta. No entanto, esses supostos dados mais recentes estão impedindo que mais pessoas entrem de fato no projeto. A pasta deixou claro que está tentando inserir mais brasileiros todos os dias.

Fontes de dentro do Dataprev afirmam que o trabalho por lá é diário. O órgão analisa todos os dias dados de pessoas que poderiam começar a receber o benefício. No entanto, ainda de acordo com eles, o processo não está encontrando muito mais gente com reais condições de entrar no benefício.

Versão da população

Nas redes sociais, muita gente discorda dessa versão do Governo. Há pessoas, por exemplo, que garantem que se encaixam em todas as regras do benefício e mesmo assim não conseguiram passar por uma aprovação. Boa parte delas afirma que não conseguiu fazer sequer a contestação.

São portanto pessoas que alegam que não estão recebendo nem o Bolsa Família, nem o Auxílio Emergencial do Governo Federal. De acordo com esses brasileiros, a falta de renda é uma realidade em suas famílias. E em um cenário de pandemia, a situação acaba ficando ainda mais difícil.

Sobre a questão dos dados mais recentes, há pessoas que reclamam ainda de possíveis erros do Ministério. Nas redes sociais, muita gente afirma que não conseguiu receber o benefício porque o Dataprev apontou que o cidadão morava no exterior. No entanto, o cidadão alega que nem possui um passaporte internacional, muito menos chegou a viajar para outro país.

Regras do Auxílio

Vale lembrar, no entanto, que algumas pessoas não conseguiram receber o Auxílio porque de fato não atenderam as regras do benefício. Um desses pontos cruciais, por exemplo, é a exigência de ter recebido programa até o final do ano passado.

Quem não recebeu o auxílio em 2020, também não vai receber agora. Essa é uma regra que o Ministério da Cidadania nem quer discutir. Então se o cidadão não entrou no programa no ano passado, não adianta tentar entrar agora. Mesmo que ele esteja passando por uma situação difícil, ele não vai ter esse direito.

Essa é uma das regras que tirou muita gente da possibilidade de receber este ano. No entanto, apesar das críticas, ela é um dos pontos do novo Auxílio Emergencial. Vale lembrar que o período para contestar a negativa chegou ao fim há algumas semanas. Nenhum grupo pode mais fazer essas reclamações. Pelo menos não de forma administrativa.

Fontes: Notícias Concursos

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WPP-1024x338.jpg
Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade
error: O conteúdo está protegido !!