Connect with us

destaque

Transações via Pix crescem 1.836%

Publicado

on

O número de transações Pix só vem aumentando, para se ter uma ideia, a quantidade cresceu 1.836% do lançamento  até maio de 2021.

Os números levam em consideração desde que o aplicativo foi lançado – em novembro de 2020.

Só em novembro de 2020 foram 33.513 milhões de transferências. No fim de dezembro aumentou para 144 milhões.

Em maio os números bateram recorder com 649,101 milhões de transações.

Quando se fala em valores os números também são expressivos, só nos últimos seis meses passaram pelo sistema do PIX mais de R$ 1,5 bilhão.

A tecnologia também avançou, se antes era possível apenas transferências, hoje pode-se até pagar contas.

Pix: o que é? 

De maneira resumida, para que você entenda o que é Pix, podemos dizer que é um sistema de trânsferencia instantâneo e sem custos. Por meio dele é possível realizar  transferências por 24h e nos 7 dias da semana.

O Pix é seguro?

De acordo com informações do Banco Central sim. Para isso, ele conta com pelo menos duas tecnologias de proteção de dados.

Especialistas também apontam a confiabilidade do Pix. Mas, como qualquer sistema, há riscos, mas é importante entender quais técnologias estão garantido a proteção de dados.

Confira:

1 – Criptografia

Sistema que bloqueia o acesso a informações da transferência, impedindo ação de fraudadores.

Em outras palavras, é utilizado um algoritmo para codificar os dados para que eles não tenham mais o formato original e consequentemente não possam ser acessados.

2 – Autenticação

Sistema que identifica os dados do cliente que realiza e do que recebe a transação. Ferramenta tem como objetivo identificar se de fato a procedência de acessos e indentificações são verdadeiras.

Outra informação relevante, é que para realizar uma transação é necessária a autenticação de dados como senhas e biometria.

Como cadastrar o Pix?

Agora que você já entende o que é o Pix, saiba como cadastra-lo.

Para começar a utilizar o Pix é simples e todo o processo pode ser feito de maneira online. É somente necessário ter uma chave Pix.

Por meio do internet bankin, a chave Pix  pode ser cadastrada .

Por meio da chave é possível fazer transações instantâneas em menos de 10 segundos, sem custos e entre qualquer banco. Todas as transações podem ser realizadas em todos os dias e horários.

Eu preciso ter uma conta em banco para utilizar o Pix?

Não. É possível cadastrar sua chave pix por meio de plataformas de pagamentos, entre elas o Mercado Pago e o Picpay.

Todavia, também é possível optar por criar sua chave Pix em bancos tradicionais ou digitais.

O PIX deve acabar com outras formas de transferência?

No momento, são possíveis ainda realizar tanto TED, como DOC, mas dentro das regras e custos oferecidos pelo seu banco. Porém, de acordo com especialistas, a tendência é que as transações tradicionais caiam e o Pix aumente.

Notícias Concursos

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WPP-1024x338.jpg
Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade
error: O conteúdo está protegido !!