Connect with us

destaque

Trabalhadora é assassinada em crime passional em Divinópolis

Publicado

on

Um dos crimes mais revoltantes de 2021 foi consumado hoje (10) em Divinópolis. A trabalhadora Maria Aparecida Souza, de 49 anos, foi assassinada num crime passional. O ex-companheiro da vítima, o senhor Cícero Benedito de Souza, de 61 anos, foi preso acusado de ser o autor.

De acordo com informações preliminares, Cícero invadiu a casa da vítima, no bairro Elizabeth Nogueira, durante o começo da noite e iniciou uma discussão. Maria estava no interior do banheiro da residência e tomava banho no momento do fato. A vítima foi empurrada por Cícero. Em seguida, caiu batendo a cabeça no vaso sanitário.

O impacto foi profundo. Maria não resistiu ao ferimento e faleceu. Cícero trancou a ex-companheira no banheiro e fugiu sem prestar socorro. Acionando um Uber, o homem planejava ir à rodoviária para fugir.

Familiares encontraram a vítima no banheiro minutos após o crime e acionaram o 190 (Polícia Militar). Equipes policiais descobriram a tentativa de fuga e interceptaram o assassino na rodoviária, no bairro Santa Clara. O homem confessou a autoria do fato. Seu depoimento na delegacia de polícia foi marcado por informações contraditórias sem nenhuma comprovação. O homem deverá ser transferido ao presídio Floramar e responder ao processo preso preventivamente.

Tida

Popularmente conhecida como Tida, Maria Aparecida era uma trabalhadora querida e amada em Divinópolis, sobretudo na região do bairro Elizabeth Nogueira. Vítima de mais um crime de feminicídio, Maria deixa filhos, irmãos e sobrinhos.

A vítima já havia pedido a separação há um vasto tempo, e sofria para se livrar das investidas e das ameaças do ex-parceiro. A equipe do Portal Diviweb acompanhará o caso até o fim. Divinópolis clama por justiça.

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade