Connect with us

destaque

Secretário-geral da ONU condena ataques terroristas em Israel

Publicado

on

O secretário-geral das Nações Unidas, António Gueterres, condenou os “recentes ataques terroristas” em Israel, que causaram 11 mortos, e pediu o fim imediato da violência.

“Atos de violência nunca podem ser justificados e devem ser condenados por todos”, disse Guterres em comunicado.

Cinco pessoas foram mortas nessa terça-feira (29), em um subúrbio de Tel Aviv.

O presidente da Palestina, Mahmoud Abbas, condenou o ataque, atribuído a um palestino da Cisjordânia, segundo os veículos de comunicação israelenses.

“O homicídio de civis palestinos e israelenses apenas agrava a situação, pois todos nós nos esforçamos para alcançar a estabilidade, especialmente quando nos aproximamos do mês sagrado do Ramadã e dos feriados cristãos e judaicos”, afirmou, em raro comunicado divulgado pela agência de notícias oficial palestina Wafa.

O primeiro-ministro de Israel, Naftali Bennett, disse que o país é alvo de “uma onda de terrorismo árabe”. Ele assegurou que vai combater os ataques “com perseverança, teimosia e mão de ferro”.

Mais dois ataques, que ocorreram na última semana, teriam sido praticados por cidadãos árabes de Israel.

No domingo (26), dois homens armados mataram dois policiais durante tiroteio na cidade de Hadera, no centro de Israel.

Na semana passada, um homem matou quatro pessoas em ataque na cidade de Beesheba, no Sul do país.

O grupo jihadista Estado Islâmico reivindicou a responsabilidade pelos ataques.

Agência Brasil

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WPP-1024x338.jpg

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade
error: O conteúdo está protegido !!