Connect with us

destaque

Racismo: mulher chama PM de “macaco” e termina presa

Publicado

on

Um grave episódio de injúria racial foi registrado. Durante uma ocorrência policial ontem (19) em Nova Serrana, uma rápida ação militar capturou dois marginais no bairro Marisa.

Os criminosos efetuaram roubos à mão armada pela cidade e comemoravam o sucesso de seus assaltos na companhia de uma jovem de 25 anos. A ação militar flagrou os objetos de valor subtraído pelos meliantes e culminou na voz de prisão contra a dupla.

Porém, a amiga dos bandoleiros interveio na ação militar. Proferindo ameaças e xingamentos, a autora tentava impedir a prisão de seus amigos. Irritada, a racista proferiu xingamentos envolvendo a palavra “macaco” contra um dos militares que é negro.

Os outros dois também efetuaram ameaças contra a equipe da Polícia Militar.

Em flagrantes crimes de desacato, obstrução de trabalho policial, e injúria racial, a mulher recebeu voz de prisão. O trio de criminosos foi encaminhado em flagrante até a delegacia de polícia. Os homens foram encaminhados ao presídio da cidade, enquanto a jovem prestou depoimento e foi liberada para responder ao processo em liberdade.

Arsenal Guns. A sua loja de armas e munições em Divinópolis.
Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade