Connect with us

Brasil

Presidente da Caixa relata que banco é o “braço social” do governo federal

Publicado

on

O Auxílio Emergencial de 2021 foi um benefício que o Governo Federal. Desse modo, se destinou aos cidadãos que participaram do programa durante o ano de 2020 e que ainda estejam dentro dos critérios do benefício. O programa, então, possui o objetivo de fornecer uma ajuda financeira aos grupos familiares que estejam sofrendo com os impactos da pandemia e se encontram em situação de vulnerabilidade socioeconômica.  

Assim, a empresa Dataprev realizou a seleção dos participantes para este ano, tendo a validação do resultado pelo Ministério da Cidadania. Não foi necessário que os beneficiários efetuassem um novo cadastro. Portanto, o processo seletivo contou com participantes que já estavam inscritos no benefício durante o ano 2020. 

Contudo, os valores de 2021 sofreram uma alteração, ganhando um novo formato. Atualmente, o benefício apresenta o pagamento de três valores distintos, R$ 150, R$ 250 e R$ 375. Estes, então, variam de acordo com a constituição do grupo familiar de cada cidadão. 

Além disso, a Caixa Econômica Federal se apresenta como o principal operador financeiro da medida, sendo uma instituição de extrema importância para o funcionamento correto do programa. Todos os recursos da medida são fornecidos pelo Governo Federal, sob ação do Ministério da Cidadania.

Caixa Econômica passou por um processo de digitalização

Recentemente, o presidente da instituição, Pedro Guimarães, ressaltou a importância da instituição e todos os processos de digitalização que o banco vem sofrendo nos últimos anos. Atualmente, a Caixa conta com mais de 107 milhões de contas digitais, no qual grande parte foi criada para atender as demandas necessárias para o pagamento do Auxílio Emergencial, por meio do Aplicativo Caixa Tem, que possui um funcionamento desburocratizado e simples. 

Ademais, entre o ano passado e o presente, o banco contabilizou um total de R$ 329, 5 bilhões em pagamentos repassados à população. Ao todo, desde sua criação, o Auxílio Emergencial contemplou cerca de 68 milhões de pessoas.

O que é a Conta Poupança Social Digital?

A Conta Poupança Social Digital é uma conta simplificada e gratuita. Dessa forma, ela foi criada com a intenção de inserir os beneficiários do Auxílio Emergencial no ambiente bancário. Em conjunto, também fornece a eles diversos serviços, além de possibilitar o recebimento e movimentação dos valores recebidos por meio do Auxílio Emergencial.

No entanto, a conta possui limite mensal de até R$ 5000, de forma que o usuário pode controla-la através do aplicativo Caixa Tem. 

Nesse sentido, caso a conta receba um valor maior do que R$ 5 mil em um só mês ela sofrerá com bloqueio. Assim, neste caso, o beneficiário poderá solicitar a mudança para uma Poupança Digital Caixa pelo Caixa Tem ou em uma agência física da instituição. 

A abertura da Conta Poupança Social Digital acontece de maneira automática para o pagamento de benefícios sociais de responsabilidade da União, Estados ou Municípios, de acordo com a Lei 14.075/2020, de 22 de outubro de 2020.

Presidente da Caixa Econômica relata que banco é o braço social do governo

Na última terça-feira, 17 de agosto, o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, apresentou o relatório de gestão da instituição. Desse modo, o documento destacava diversos números do banco, como o pagamento do Auxílio Emergencial e outros programas que a instituição bancária opera.

Sob a liderança do atual presidente desde 2019, o grande destaque da Caixa se vinculou ao pagamento do Auxílio Emergencial, já que a instituição é o principal operador financeiro do benefício.

Além disso, também criado durante a pandemia, o BEm (Benefício Emergencial de Manutenção de Emprego e Renda), programa de complementação salarial, pagou R$ 19,5 bilhões.

Durante a análise do relatoria, Guimarães declarou que o instituição “é o braço social do Governo Federal”. Nesse sentido, entre os anos de 2019 e 2021 houve o pagamento de R$ 61,2 bilhões do Programa Bolsa Família, R$ 53,6 bilhões de Abono Salarial e R$ 286 bilhões ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). 

Fonte; Brasil 123

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WPP-1024x338.jpg
Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade