Connect with us

destaque

MEI: dívidas podem parar na dívida ativa em setembro

Publicado

on

Se você tem um cadastro de Microempreendedor Individual (MEI) é importante ficar atento com suas parcelas vencidas, pois sua empresa pode parar da dívida ativa. Isso significa uma série de prejuízos como, por exemplo, ter o CNPJ cancelado. Ao todo 4,4  MEIs tem o prazo estabelecido até 31 de agosto para quitar todos os seus débitos, sejam eles ICMS, INSS e ISS. O total equivale a um terço do inscritos de acordo com a Receita Federal. As informações são do portal Valor Investe.

Além de ter suas pendência com risco de serem inscritas na dívida ativa, quem perder este prazo pode não conseguir contratar crédito e ser excluído do Simples Nacional. Resolver a situação depois disso pode ser ainda mais complicado.

Como regularizar a situação de dívidas? As opções disponíveis são pagar Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS) ou então parcelar a dívida.

Ainda tem dúvidas? Uma opção é buscar orientação no Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas Sebrae – por meio do link https://contato.sebraesp.com.br/regulariza-mei/.No endereço eletrônico também é possível consultar um ebook com todas as informações.

O Sebrae-Sp vai promover “Regulariza MEI” nesta quarta-feira (23) de maneira online, pelo Youtube oficial,  e outro de maneira presencial na quinta-feira (24) em seus escritórios oficiais. O horário promete agradar os microempreendedores: os eventos acontecem das 19h às 21h.

O MEI

Para ser MEI é necessário faturar até R$ 81 mil. Sendo que isso significa, em média, R$ 6.750 por mês. O valor não é estabelecido por mês, mas sim por ano, mesmo assim é importante ficar do olho nos contratos mensais e não correr o risco de ultrapassar o teto limite. De preferência, acompanhe por meio de uma planilha mensal. Se o valor for ultrapassado você deve migar pra outro regime.

O MEI tem atraído cada vez mais pessoas, principalmente pela facilidade de abertura online e taxa de imposto fixa. Basta apenas pagar todos os meses a guia da DAS e você ficará com as contas com o governo em dia.

Há como ser prestador de serviço ou então vender mercadorias por este regime, tudo isso vai depender da necessidade cada um. É possível escolher sua atividade principal e também incluir atividades secundárias. Em caso de dúvidas, busque um Sebrae na sua cidade para te auxiliar.

Notícias Concursos

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WPP-1024x338.jpg
Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade