Compartilhar

Os primeiros dias de escola são acompanhados de desafios. E os desafios são tanto para os filhos quanto para os pais. Por um lado, a criança precisa enfrentar sozinha um mundo novo e aprender a lidar com regras. Por outro lado, os pais têm de cortar o vínculo e confiar nos profissionais que irão cuidar do filho.

A reação dessas mudanças é simples. Choro das crianças e apreensão dos pais. São comuns os choros neste período de adaptação na educação infantil. Em muitos casos, as mães chegam a sofrer mais que as crianças. Por isso, o rompimento do “cordão umbilical” é feito por etapas.  O primeiro passo é descobrir um equilíbrio de confiança entre os envolvidos.

Antes da chegada da criança, as escolas costumam fazer reuniões com os pais de cada aluno para estabelecer uma relação com eles e esclarecer a metodologia pedagógica. Depois de alinhadas as expectativas, o primeiro dia de uma criança pequena na escola tende a ser mais curto e sob o olhar atento e constante de um responsável.

Gradualmente, as horas vão aumentando e a presença dos pais, diminuindo. Até que o aluno esteja à vontade com as professoras e os colegas. Os primeiros meses de uma criança na escola são fundamentais para sua formação. É nesse período que algum sintoma inesperado no comportamento pode ser identificado e tratado devidamente. Por isso a participação dos pais nesta adaptação é muito importante para que tudo corra bem.

Fonte: Sistema MPA

Compartilhar