Connect with us

destaque

Mais de 95 mil segurados do INSS foram convocados para a perícia médica

Publicado

on

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) está convocando os segurados que recebem o auxílio-doença aptos a realizarem a perícia médica. Devido a falta de retorno por parte dos cidadãos atendidos pelo benefício, o órgão divulgou no Diário Oficial da União (DOU) uma relação de 95.588 nomes de pessoas que não registram o recebimento da notificação.

Cientes da convocação, os segurados terão até o dia 11 de novembro para fazer o agendamento da perícia média. Para isso, basta acessar o site “Meu INSS” e clicar em “Agendar Perícia”. Ou ainda entrar em contato com o atendimento através do telefone 135, de segunda à sábado, das 7h às 22h.

Com relação ao atendimento, o beneficiário deverá apresentar a carteira de identidade, CPF, laudo médico contendo o CID e a descrição da doença, além dos exames médicos recentes que comprovem a doença.

No entanto, caso o cidadão não agende a perícia médica até 30 dias do recebimento do aviso, terá o benefício suspenso, e especificamente após 60 dias, o INSS cancelará a mensalidade definitivamente.

Sendo assim, após o prazo mencionado, o beneficiário terá que passar por um novo processo de requerimento. Tendo que se submeter a dar entrada novamente no pedido para receber o benefício por incapacidade.

Vale ressaltar que o procedimento não está sendo exigido dos beneficiários que são aposentados por invalidez ou pensionistas com mais de 60 anos. Além disso, o pente-fino também não é válido para aqueles que recebem o benefício a mais de 15 anos e tenham 55 anos. Portadores de doenças como HIV também estão dispensados.

No que se refere aos segurados que possuem dificuldades em se locomoverem, é possível agendar a perícia médica a domicilio. Basta solicitar a presença de um avaliador em uma agência da previdência ou ligar para a central atendimento no número 135.

Realizada a perícia, o resultado será disponibilizado no mesmo dia do exame, sempre após às 21h. Neste sentido, aqueles que tiverem alta, deixarão de receber o pagamento, sendo possível recorrer num prazo de 30 dias.

Para mais informações, consulte o site do INSS ou compareça a uma agência da Previdência Social. Caso seja convocado, agende e realize o procedimento o quanto antes para garanta a manutenção do benefício.

Notícias Concursos

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WPP-1024x338.jpg
Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade