Connect with us

destaque

Governo quer digitalizar ainda mais os programas sociais

Publicado

on

O Governo Federal ainda não bateu o martelo sobre muitos dos programas sociais que estão previstos para o segundo semestre. No entanto, uma coisa eles dão como certa: os projetos serão cada vez mais digitalizados. Isso quer dizer portanto que as pessoas precisarão muito de uma conexão com internet para ter acesso ao benefício. 

De certa forma, isso está sendo posto em prática neste momento com os pagamentos do Auxílio Emergencial. De acordo com o Ministério da Cidadania, as pessoas que quiseram se cadastrar no programa precisam ter acesso com a internet. Pelo menos foi assim que funcionou para os informais que entraram no benefício.

Além disso, quem está dentro do Auxílio só pode movimentar a quantia através de um aplicativo da internet. Trata-se portanto do Caixa Tem. Pelo menos é assim que funciona com os informais nos primeiros dias da liberação das parcelas do programa. Só alguns dias depois é que a Caixa libera a possibilidade do saque.

Nas redes sociais, órgãos do Governo Federal disseram que essa lógica deve seguir para os próximos programas. “A digitalização de serviços públicos do Palácio Planalto tem facilitado a vida dos brasileiros. Até o momento, 3 mil soluções já estão disponíveis digitalmente”, diz uma postagem da Assessoria de Comunicação do Palácio do Planalto no Twitter.

Tudo isso pode significar dizer portanto que as pessoas precisarão ter uma conexão de internet para ter o mais completo acesso aos benefícios sociais do Governo. Não quer dizer que isso vá se tornar uma exigência. No entanto, mostra que os brasileiros com essa conexão terão, pelo menos, uma vida mais fácil neste recebimento.

Bolsa Família

De acordo com as informações de bastidores, é isso o que provavelmente vai acontecer com o novo Bolsa Família. Segundo essas notícias, a ideia do Governo é centralizar as operações de inscrições no Palácio do Planalto.

Hoje, uma pessoa que precisa entrar no programa precisa entrar em contato com a Prefeitura da sua cidade. Com as mudanças, esse mesmo cidadão vai precisar entrar em contato com o Palácio do Planalto.

Obviamente isso não quer dizer que ele vai precisar ir até Brasília, mas significa que ele vai precisar ter uma conexão com internet de qualidade para poder realizar essa inscrição online. Além de manter os recebimentos.

Longe da internet

Talvez não seja tão claro de ver, mas muitos brasileiros ainda não possuem acesso com internet de qualidade. Isso, aliás, acabou prejudicando muita gente que queria entrar no Auxílio Emergencial do Governo Federal ainda no ano passado.

Recentemente, a Caixa Econômica Federal comemorou o fato de que quase 70% dos usuários do Auxílio utilizam o Caixa Tem para movimentar o dinheiro das parcelas do benefício do Palácio do Planalto.

Isso, no entanto, significa dizer também que cerca de 30% não usam. Boa parte das pessoas que fazem parte deste grupo, não utilizar o app porque não possuem acesso de qualidade com internet. E isso atrapalha muito a vida desses brasileiros.

Notícias Concursos

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WPP-1024x338.jpg
Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade
error: O conteúdo está protegido !!