Connect with us

destaque

Evolução da pandemia deve influenciar futuro do Auxílio Emergencial

Publicado

on

O Governo Federal começou os pagamentos do novo Auxílio Emergencial no último mês de abril. Oficialmente, eles ainda irão pagar mais três parcelas para os beneficiários, mas isso pode mudar. De acordo com o próprio Ministério da Economia, tudo vai depender da pandemia.

Vale lembrar que o Auxílio Emergencial é um benefício que só existe por causa da pandemia. A função primordial do programa é atender as pessoas que não estão podendo sair de casa para trabalhar por causa da situação da doença no país.

Por essa razão, a continuidade desse auxílio vai depender da evolução da pandemia no país. Então se os números da pandemia no Brasil não apresentarem uma melhora significativa até agosto, o jeito vai ser prorrogar o Auxílio por mais alguns meses.

Quem disse isso foi o próprio Ministro da Economia, Paulo Guedes. De acordo com Guedes, o Governo Federal estaria torcendo para que a situação do país melhore logo, mas se isso não acontecer, eles não teriam outra opção a não ser prorrogar o programa em questão.

No entanto, isso só vale para o ponto do aumento das parcelas. Então se a pandemia apresentar uma forte melhora no próximo mês, por exemplo, as pessoas seguirão recebendo o benefício por, pelo menos, mais três meses. Como dito, esse e o período do programa em questão. Pelo menos é até agora.

Outros projetos

A evolução da pandemia no Brasil vai ser fundamental para o futuro não só do Auxílio Emergencial como também de outros projetos do Governo. O Ministro da Cidadania, João Roma, disse que o objetivo dele é reformular o Bolsa Família.

E esse programa reformulado estaria pronto neste mês de agosto, que é o mês do fim do Auxílio Emergencial. No entanto, se a situação da pandemia não melhorar, o Auxílio deverá passar por uma prorrogação e automaticamente o novo Bolsa Família também teria que passar por isso.

Além desses programas, o Ministro da Economia, Paulo Guedes, está dizendo que quer criar um programa que ajude os jovens a buscarem trabalho. De acordo com essa ideia, jovens iriam começar a fazer curso presencial e ganhariam um dinheiro extramas.

Pandemia no Brasil

No Brasil, a pandemia acabou de fazer o país atingir a marca de 410 mil mortos por causa da Covid-19. É portanto um dos países em que mais se morre em todo o planeta. A grande maioria dessas pessoas são pobres que precisaram sair para trabalhar e contraíram o vírus.

É justamente por isso que há uma preocupação grande com a questão do Auxílio Emergencial. É que especialistas em saúde pública costumam dizer que o melhor a se fazer agora é ficar em casa para evitar qualquer tipo de contaminação.

Além disso, esses especialistas dizem que o Governo tem a obrigação de pagar um Auxílio Emergencial para essas pessoas. O fato é que eles estão pagando o benefício este ano. De acordo com as informações oficiais, cerca de 40 milhões estão recebendo o dinheiro.

FONTE: NOTÍCIAS CONCURSOS

Para notícias 24 horas por dia, siga nossa rede social abaixo : 

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram

Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade
error: O conteúdo está protegido !!