Connect with us

destaque

Divinópolis a beira da onda roxa

Publicado

on

O secretário municipal de Saúde de Divinópolis, Alan Rodrigo da Silva, realizou uma entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira (10/03) no Centro Administrativo, para passar a atual situação da ocupação de leitos no município.

Alan foi firme, passando aos jornalistas, informações sobre a atual situação. “Estamos próximos de um colapso da rede de saúde, mas, qualquer decisão sobre a Onda Roxa do Minas Consciente, deverá ser tomada pelo Governo do Estado e, de forma regional. Não é o momento de um município estar em uma onda e o município vizinho em outra. A rede de saúde é integrada e a decisão também deve ser”, salientou.

A Unidade de Pronto Atendimento Padre Roberto tem 25 leitos de CTI Adulto no Hospital de Campanha e, destes, 17 estão ocupados. De acordo com o relatório emitido na tarde de hoje (10/03), destes 17 pacientes, três são de pessoas de Divinópolis e 14 de pacientes de outras cidades da região e até de outras regiões. A enfermaria adulto da UPA está com 100% de ocupação dos seus 12 leitos e a enfermaria infantil tem ocupação de 50% com oito leitos ocupados e oito livres.

A defesa do secretário foi também pela reativação de leitos. “É muito importante que o Estado busque alternativas para a reativação imediata de leitos de hospitais da região que foram desativados no final do ano passado. Esta ação pode melhorar a situação da ocupação de leitos em toda a região para que não seja necessário chegar à Onda Roxa” observou.

A macro região de Saúde, a qual pertence Divinópolis, está com 94% de ocupação dos leitos de enfermaria e de 85% dos leitos de CTI, reservados para Covid-19, ocupados.

A Secretaria Municipal de Saúde reforça que, diante do atual cenário do país, em relação à pandemia do coronavírus, é fundamental que a população não relaxe nas medidas preventivas. O distanciamento social, a não aglomeração, o uso frequente de álcool e a constante higienização das mãos, são regras que todos devem seguir rigorosamente para evitar que a situação se agrave ainda mais.

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram 

Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade
error: O conteúdo está protegido !!