Connect with us

destaque

Como acessar serviços através do aplicativo Meu INSS?

Publicado

on

O Meu INSS é um aplicativo criado com a intenção de facilitar o acesso a diversos serviços do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Dessa forma, para solicitar alguns dos serviços disponíveis, o interessado deve, primeiramente, efetuar seu login, na tela inicial do app. 

Em seguida, para iniciar o procedimento, o usuário deverá escolher a primeira opção disponível na tela de serviços, “Agendamentos e Solicitações”. Esta opção é representada no aplicativo pelo símbolo de um calendário. 

Assim, ao clicar na opção, a tela aberta posteriormente irá conter um pequeno texto que explica sobre o atendimento à distância do INSS. Além, ainda, de algumas datas disponíveis para o processo de agendamento. Então, após conferir toda a mensagem com atenção, o usuário deverá clicar na opção “Novo Requerimento”. 

Esta etapa irá apresentar ao usuário uma vasta lista contendo todos os serviços ofertados de maneira remota pela instituição. Dentre eles, portanto, estão presentes as opções de retiradas de extratos, aposentadorias, atualização de cadastro, solicitações de benefícios, entre outros. 

Desse modo, é importante destacar que cada serviço irá fornecer informações específicas pelo próprio aplicativo ao usuário diretamente na tela do telefone celular.  

Por fim, após escolher o serviço desejado, o sistema irá solicitar que o usuário realize a atualização de seus dados de contato, como endereço, número de telefone celular e endereço de e-mail.

Dados para solicitação de serviços

É válido reiterar, também, que a informação correta do número de celular, e principalmente, o endereço de e-mail, são essenciais para que o INSS entre em contato com o usuário. Portanto, é muito importante que ele mantenha todos os seus dados atualizados e preenchidos da forma correta. Caso contrário, o INSS não conseguirá encontrá-lo, quando precisar entrar em contato.

Ademais, o número de celular e o e-mail auxiliam a recuperação de senha em casos em que o usuário a tiver esquecido.

Prazo para a marcação da perícia do pente-fino do INSS se encerra no mês de agosto

Os beneficiários que recebem o Auxílio Doença que foram convocados para o pente fino do INSS devem se manter em estado de alerta. Isto é, ocorre que o prazo de agendamento da perícia médica começa a vencer a partir da próxima semana. 

Dessa forma, os segurados que receberam o comunicado do INSS, seja ele por carta, e-mail ou no próprio banco, possuem o prazo máximo de 30 dias para efetuarem o agendamento do atendimento. Nesse sentido, é crucial que o beneficiário não perca o prazo para que não corra o risco de ter seus valores interrompidos. 

O INSS vem convocando os cidadãos que não realizam perícia médica há mais de seis meses, com a intenção de evitar possíveis irregularidades no recebimento do benefício. Somente durante o mês de julho, então, aproximadamente 170 mil beneficiário foram convocados para a realização do procedimento, tendo a reavaliação de sua incapacidade. Segundo o órgão, o processo de revisão deve ocorrer até o mês de dezembro deste ano. 

Ademais, o aumento na fiscalização se intensificou desde a publicação da lei 13.846 de 2019. Esta, por sua vez, define critérios para a revisão de benefícios com suspeitas de irregularidades ou que não estão devidamente em dia com a execução da perícia médica. Além disso, a medida também permite o pagamento de um bônus aos peritos que efetuarem os atendimentos extraordinários. 

Portanto, para evitar a interrupção de seu benefício, o segurado deve manter todos os seus dados atualizados junto ao instituto e responder imediatamente em caso de convocação. 

Então, o agendamento da perícia médica pode ocorrer através do número 135 ou pelo aplicativo Meu INSS. Além disso, caso o segurado não possa comparecer na data agendada é necessário que ele remarque uma nova data. Caso contrário, ausência sem justificativa também pode levar à suspensão do benefício.

Alguns alertas para os segurados do INSS

  • O processo de convocação pode se realizar através de carta enviada pelos Correios para o endereço que o usuário forneceu no aplicativo Meu INSS; 
  • Alguns beneficiários também podem receber a convocação através do caixa eletrônico do banco em que recebem os valores de seu benefício ou pelo endereço de e-mail que cadastrou no Meu INSS. 
  • O cidadão que receber o comunicado possui até 30 dias úteis para efetuar o agendamento do procedimento; 
  • O prazo se inicia logo após o recebimento da carta ou mensagem de e-mail; 
  • Para quem recebeu o comunicado na primeira semana de julho, o prazo para o agendamento da perícia médica se encerra na próxima semana.
  • É extremamente importante que o cidadão mantenha todos os seus dados devidamente atualizados junto ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Como efetuar o agendamento da perícia

É possível agendar a perícia médica das maneiras que seguem abaixo.

Pelo Meu INSS

  • Acesse o portal gov.br/meuinss ou o aplicativo Meu INSS.
  • Informe seu CPF e sua senha.
  • Clique na opção “Agendar perícia”.
  • Depois, clique em “Agendar Novo”.
  • A tela a seguir exibirá o nome do segurado, número de seus documentos e dados para contato.
  • Confira se todos os seus dados estão preenchidos de maneira correta.
  • Caso seja necessário, efetue as correções através da opção “Meu Cadastro”.

Pelo telefone

  • O agendamento também pode ser realizado pelo número 135.
  • O atendimento é feito de segunda a sábado, das 7h às 22h.
  • Ao entrar em contato, será necessário que o segurado anote todas as informações que serão transmitidas a ele. Desse modo, além de não se esquecer das explicações, será possível comprovar o que o INSS lhe informou.

Documentos necessários

Além disso, no dia da perícia médica, além do CPF, o segurado deverá portar os seguintes documentos:

  • Documento original com foto, seja ele RG, CNH ou CTPS. 
  • Documentos médicos com data recente originais.
  • Procuração ou termo de representação legal, caso seja necessário.

Ademais, em caso da existência de algum procurador, será necessário que o mesmo apresente algum documento de identificação com foto e CPF.

Resultado da perícia médica

Por fim, após as 21h do dia de realização da perícia, o beneficiário já poderá se informar sobre o resultado por meio do Meu INSS ou pelo telefone 135. Isto é, a fim de saber se o benefício se interromperá ou não.

Contudo, caso o resultado não apareça até as 21h, pode ser necessário a apresentação de algum documento por meio do procedimento “Acerto pós-perícia”. Nestes casos, então, é necessário que o segurado acesse seu cadastro e confira qual documento está faltando e o encaminhe para o INSS.

Notícias Concursos

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WPP-1024x338.jpg
Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade