Connect with us

destaque

CadÚnico: Inscrição na base nacional para benefícios

Publicado

on

O Ministério da Cidadania anunciou a possibilidade da inclusão de jovens menores de 16 anos sem representantes legais no Cadastro Único (CadÚnico). Neste sentido, a partir desta data, o público mencionado poderá ser incluído na base para concessão de benefícios sociais.

As famílias em situação de pobreza e extrema pobreza podem se cadastrar na base nacional para benefícios governamentais. A inscrição no CadÚnico é um requisito básico para serem contempladas em políticas públicas.

Por meio do registro, os cadastrados podem ser beneficiados de várias formas, incluindo isenções e subsídios que garantem a subsistência. Essas isenções podem auxiliar em inscrição de concursos públicos e possibilitar a participação em programas de tarifas sociais de energia.

Como saber se fui cadastrado?

Para conferir o registro, o cidadão pode acessar a plataforma “Meu CadÚnico” informando os dados solicitados pelo formulário do site. Feito isto, basta solicitar a emissão e verificar a existência do cadastro ou não.

O procedimento também pode ser realizado através do aplicativo “Meu CadÚnico”, além do atendimento pelo número 0800 707 2003. No último caso, será necessário selecionar a opção 5, disponível de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h e nos feriados nacionais e fins de semana das 10h às 16h.

De acordo com as determinações publicadas no Diário Oficial nesta segunda-feira, os gestores de unidades municipais poderão realizar a inscrição de indivíduos que não possuem um responsável familiar no CadÚnico.

Até o momento, já são 78 milhões de inscritos. O registro é importante para que o Governo Federal possa identificar a parcela da população que necessita de amparo assistencial. As inscrições são realizadas nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS).

Posto isto, vale ressaltar que o novo programa social, Auxílio Brasil, só beneficiará cidadãos inscritos no CadÚnico, incluindo os atuais segurados do Bolsa Família. Cerca de 2 milhões de vagas serão disponibilizadas para cidadãos em situação de pobreza e extrema pobreza.

CadÚnico possibilita entrada no Bolsa Família, BPC, e outros benefícios

Estar inscrito no Cadastro Único (CadÚnico) do Governo Federal garante acesso a benefícios de políticas públicas. No cenário de pandemia decorrente da Covid-19, muitos cidadãos brasileiros passaram a recorrer aos abonos federais e estaduais oferecidos.

Diante da crise sanitária e econômica instalada no país, o registro no CadÚnico está sendo determinante na concessão em diversos benefícios públicos. O sistema é utilizado pelo Ministério da Cidadania para identificar a população em situação de vulnerabilidade.

Notícias Concursos

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WPP-1024x338.jpg
Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade
error: O conteúdo está protegido !!