Connect with us

destaque

Auxílio Emergencial: Caixa elogia operação de pagamentos do benefício

Publicado

on

A Caixa Econômica Federal está satisfeita com o ritmo de pagamentos do Auxílio Emergencial. Pelo menos foi isso o que disse o próprio Presidente do banco, Pedro Guimarães. Em entrevista para um programa de rádio, ele disse que ficou até surpreso com o resultado do processo nas agências do Brasil.

De acordo com Guimarães, a Caixa vem tendo um desempenho satisfatório nesses repasses. Vale lembrar que o banco atua apenas como agente pagador do Auxílio Emergencial. Então ela não é responsável por outros pontos polêmicos como cancelamentos ou mesmo definição de valores do programa em questão.

“Quando disseram que tinha que ficar com a Caixa (os pagamentos), eu fiquei com medo. Nós tínhamos poucos atendentes. Vocês devem se lembrar das enormes filas nas nossas agências. Achei que não iria dar certo”, disse ele. “Mas nós fizemos um grande trabalho, reunimos todos a nossa equipe e fizemos acontecer”, disse ele.

Ainda de acordo com Guimarães, a Caixa teria feito o que nenhum outro país do mundo fez com os pagamentos do Auxílio. “Nós tivemos que procurar milhões de brasileiros em situação de vulnerabilidade. Nos Estados Unidos, o Governo chegou a enviar milhares de cheques, e vários deles voltaram”, disse o Presidente Guimarães.

De acordo com informações do Ministério da Cidadania, o banco em questão faz pagamentos do Auxílio Emergencial para algo em torno de 37 milhões de brasileiros. O número, no entanto, chegou a ser bem maior no ano passado. Segundo dados oficiais, o benefício atingiu quase 70 milhões de pessoas em 2020.

Críticas

Nem tudo, no entanto, se resume aos elogios para a Caixa Econômica Federal. Nas redes sociais, muitas pessoas ainda estão reclamando de pontos chave na relação do banco com os pagamentos do Auxílio Emergencial este ano.

Há quem diga, por exemplo, que a Caixa estaria falhando no atendimento ao público. Muitas pessoas afirmam que ainda estão tendo que passar por filas para pegar o Auxílio. Além disso, alguns cidadãos dizem que possuem muita dificuldade para entrar em contato com os atendentes do banco por meio dos números oficiais.

Nesta semana, também surgiu nas redes sociais a crítica em relação ao app Caixa Tem. Cidadãos estão afirmando que não estão conseguindo mexer no aplicativo há algum tempo. Para muitas dessas pessoas a movimentação do dinheiro do Auxílio Emergencial depende justamente deste app.

Novo Bolsa Família

De qualquer forma, é muito provável que a Caixa Econômica Federal volte a ter um papel central nos pagamentos do novo Bolsa Família. O programa, que tem previsão de estreia para novembro, deve atender algo em torno de 17 milhões de pessoas.

Caso essa informação se confirme, então seria um montante bem menor do que a Caixa está atendendo hoje. Por isso, os agentes do banco estão confiantes de que irão realizar um bom trabalho nesses repasses do programa que vai substituir o novo Bolsa Família.

De acordo com informações de bastidores, o Governo Federal quer aumentar os valores de pagamentos do Auxílio Brasil. Hoje, segundo dados do Ministério da Cidadania, os montantes médios estão na casa dos R$ 189, e deverão subir para algo em torno de R$ 300.

Notícias Concursos

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WPP-1024x338.jpg
Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade