Connect with us

destaque

Após 7 semanas de alta, preço da gasolina se estabiliza nos postos

Publicado

on

O preço médio da gasolina teve uma leve estabilidade nos últimos dias, após sete semanas de alta e fechou a última semana cotada em R$ 6,092, isso considerando a média de todos os postos do país.

De acordo com o último levantamento realizado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, que realizou o estudo de 26 de setembro a 2 de outubro, os valores por litro variaram de R$ 5,149, preço mínimo, para no máximo de R$ 7,167, preço máximo.

Em comparativo com o preço máximo que o combustível atingiu no ano, aconteceu uma leve queda de 0,9%, saindo de R$ 7,236 para R$ 7,167. O diesel apresentou novamente uma alta no preço das refinarias, saltando 1,9%, de R$ 4,707 para R$ 4,801. O etanol também apresentou alta de 0,4%, subindo para um preço médio de R$ 4,736.

Preço da gasolina subiu 51% no acumulado do ano

Somente na contagem de 2021, o combustível já subiu cerca de 51%. O preço médio cobrado pelo litro da gasolina teve um salto de 35,9%, saindo de R$ 4,483 para R$ 6,092. A variação do etanol é ainda maior, de quase 50%.

Outros itens que são derivados do petróleo também apresentaram altas. Por exemplo, o gás de cozinha gira em torno de 30% de aumento no ano, onde os botijões de gás chegaram a uma impressionante marca de custar até R$ 130 em algumas regiões do país. O diesel também subiu cerca de 28%.

Governo tomou algumas medidas para barrar o aumento dos combustíveis

Algumas medidas estão sendo tomadas para barrar a alta dos combustíveis, após as críticas que foram feitas para os altos membros do Governo Federal e da Petrobras. Jair Bolsonaro entrou com uma ação no STF para exigir a obrigatoriedade de que o Congresso edite em até 120 dias uma lei com o objetivo de uniformizar as alíquotas do ICMS.

Arthur Liras, que é o presidente da Câmara dos Deputados, disse que o projeto deve ser votado na próxima quarta-feira, com o objetivo de que as medidas sejam aprovadas para baixar os preços dos combustíveis.

Segundo Arthur, o projeto será calculado de acordo com o valor do imposto e da variação do preço da gasolina nos últimos dois anos. O presidente acredita que é possível que aconteça uma redução no preço do combustível imediata e que atinja 8%.

Petrobras iniciou uma campanha para esclarecer o preço do combustível

Muito questionada nas últimas semanas, a Petrobras iniciou uma campanha de esclarecimento sobre o preço da gasolina e os constantes aumentos no ano, mostrando que recebe apenas R$ 2 do valor praticado nas bombas.

Além dos valores praticados em refinarias e postos, o preço da gasolina no Brasil também leva em conta outros fatores, como as margens que vão para a distribuição e revenda. A expectativa até o final do ano é fechar o preço médio do combustível abaixo de R$ 6.

Notícias Concursos

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de whatsapp

Clique aqui e siga-nos no instagram

Clique aqui e siga-nos no facebook

Clique aqui e siga-nos no Twitter

Clique aqui e faça parte de nosso grupo de Telegram

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WPP-1024x338.jpg
Publicidade

PUBLICIDADE

Publicidade

COLUNISTA FOTOGRAFICO

COLUNISTA VARIEDADE

Publicidade